Você é 1001, mas os condôminos sabem disso?

CompartilheTweet about this on TwitterShare on Google+0Share on Facebook1Share on LinkedIn0
1001 pendências

São 20 andares, 3 blocos, 120 apartamentos, 480 pessoas diferentes, 20 funcionários, manutenções, avisos, contratos, boletos, reservas, documentos e apenas VOCÊ para gerenciar tudo isso… UFA!

Com a correria do dia a dia, muitos moradores esquecem a benfeitoria que você proporciona e te procuram apenas para fazer alguma reclamação. Aliás, sobre o mesmo problema que muitos outros têm questionado, ou seja, o incômodo é geral. Mas, como solucionar?

Nossa experiência em mais de 1.700 condomínios nos permitiu compilar 5 soluções dos principais problemas que um síndico enfrenta:

Barulho

É essencial deixar claro para todos os horários de silêncio: até às 21h, 22h ou 23h? Todos os dias ou nos finais de semana existe um limite maior? Aqui, o bom senso de cada um deve falar mais alto, mas se o bom senso faltar, lembretes sempre são bem-vindos!

Solução: nos dias de festa, um recado no elevador pode prevenir e evitar reclamações sobre o barulho. Uma mensagem se desculpando antecipadamente pelo incômodo, pode ser uma solução.

Crianças

Algumas precisam de uma educação extra, certo? É necessário limitar o horário para brincadeiras dentro do apartamento e nas áreas de lazer até – no máximo – às 22h. Se muitos condôminos forem idosos e as reclamações forem recorrentes, é hora de agendar uma conversa conversa amigável com os pais para chegarem em um consenso.

Solução: o uso de tapetes emborrachados, carpetes e tapetes comuns ajudam a abafar o som e evitam o ruído nos outros apartamentos.

Cachorros

Eles são fofos e todos apaixonados por eles, mas para toda regra existe sempre uma exceção. Como no caso do barulho em geral, o bom senso deve prevalecer. Se o cachorro de um morador fizer muito barulho, verifique se outros moradores se incomodam pelos latidos antes de registrar qualquer queixa.

Solução: solicitar aos condôminos que possuem cachorros o nome de cada um, depois enviar uma carta para todos convidando para um passeio aos sábados ou domingo. Se der certo, esses passeios podem ser diários. Outra ação bacana é enviar uma carta personalizada para o “cachorro”, informando normas permanentes, como o uso das entradas de serviço, que a sua sujeira deve ser recolhido pelo seu “pai/mãe/irmão”.

Obras no apartamento

Parece regra, mas todas atrasam e incomodam mais do que o esperado. E dependendo da obra, caso seja no hall social, não seja bem vista pelo vizinho.

Solução: nas assembléias, mostre a importância de avisar com antecedência e até mesmo se vai impactar muito o vizinho. Um recado geral para todos os condôminos pode ser bem visto, já que outras pessoas farão parte da rotina deles por um período.

Salão de festas e churrasqueiras

Já comentamos sobre o barulho, mas nesse caso existem outros pontos para muitas reclamações, principalmente em datas comemorativas, final de ano e no verão.

Solução: se sujou, limpou (pelo menos o grosso)! Uma festa no sábado e outra no domingo, de condôminos diferentes, é interessante avisar para os dois as condições de entrada e saída, assim, todos se programam e evitam algum estresse na hora de arrumar a área.

Muitas vezes parece que um simples recado é desnecessário, mas ele faz toda a diferença! Por isso preparamos um bônus para vocês!

Aproveite esse presente para pensar em uma campanha de conscientização envolvendo as principais reclamações.

Até a próxima dica!

CompartilheTweet about this on TwitterShare on Google+0Share on Facebook1Share on LinkedIn0

   2 comentários


  1. Francisco JAQUES
      18 de outubro de 2016

    São José-SC, 18/10/2016 (terça-feira)

    Prezado Sr André

    Excelente orientação para os síndicos.
    Muito Obrigado pelo seu trabalho.

    Att Francisco JAQUES
    Síndico Cond Res Porta do Sol.

  2. Luiz Cláudio Vieira
      18 de outubro de 2016

    Gostei da sugestão para tratar da questão dos Pets.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *